Frantz e Elle lideram indicações ao César 2017

Dois mil e dezesseis foi tão interessante para o cinema francês que seria difícil filtrar os melhores do ano. Mas, ao que tudo indica, a Academia do César conseguiu: o número de indicações nas categorias principais, inclusive, aumentou para sete.

As escolhas foram certeiras: Frantz, a obra-prima em preto e branco do diretor François Ozon, lidera a lista com 11 indicações. Também Elle, estrelado por Isabelle Huppert (que concorre ao Oscar de Melhor Atriz), foi lembrado na mesma proporção.

Por falar em atuações, a disputa deve ser complicada: ao menos, quatro atores têm a chance de abocanhar o prêmio na categoria – para mim, porém, Pierre Niney já poderia receber seu segundo César sem espera.

Isabelle Huppert pode preparar o discurso: o prêmio de Melhor Atriz já é dela. Mas o que me deixou contente mesmo foi a indicação de Virginie Efira: no efervescente Victoria, ela dá tudo de si.

Entre Frantz e Agnus Dei, fico com o drama de Ozon. Mas Elle parece ter mais chances de arrebatar o prêmio principal.

Enfim, o que vale agora é fazer uma maratona e tentar assistir aos títulos da lista – mesmo que a maioria ainda não tenha sido lançada por aqui. Confira, então, os principais indicados ao César 2017:

Melhor Filme

frantz, frantz françois ozon, françois ozon, françois ozon filmes, pierre niney, pierre niney filmes, paula beer, césar 2017

“Divinas”
“Elle”
“Frantz”
“Agnus Dei”
“Ma Loute”
“Mal de Pierres”
“Victoria”

Melhor Diretor

Agnus Dei, Agnus Dei filme, Agnus Dei filme francês, filmes franceses, Coco Antes de Chanel, Gemma Bovery, Anne Fontaine filme, Anne Fontaine, Agata Buzek, Lou de Laâge, cinema francês, filmes franceses no cinema, filmes franceses legendados, Segunda Guerra Mundial, Segunda Guerra Mundial filmes, Filmes sobre freiras

Houda Benyamina, “Divinas”
Paul Verhoeven, “Elle”
François Ozon, “Frantz”
Anne Fontaine, “Agnus Dei”
Xavier Dolan, “É Apenas o Fim do Mundo”
Bruno Dumont, “Ma Loute”
Nicole Garcia, “Mal De Pierres”

Melhor Atriz

virginie efira, virginie efira victoria, victoria filme francês, filmes franceses

Judith Chemla, “Une Vie”
Marion Cotillard, “Mal de Pierres”
Virginie Efira, “Victoria”
Marina Foïs, “Irrepreensível”
Isabelle Huppert, “Elle”
Sidse Babett Knudsen, “La Fille de Brest”
Soko, “La Danseuse”

Melhor Ator

frantz, frantz françois ozon, françois ozon, françois ozon filmes, pierre niney, pierre niney filmes, paula beer, césar 2017

François Cluzet, “Médecin de Campagne”
Pierre Deladonchamps, “Le Fils de Jean”
Nicolas Duvauchelle, “Não Sou um Canalha”
Fabrice Luchini, “Ma Loute”
Pierre Niney, “Frantz”
Omar Sy, “Chocolat”
Gaspard Ulliel, “É Apenas o Fim do Mundo”

Revelação Feminina

frantz, frantz françois ozon, françois ozon, françois ozon filmes, pierre niney, pierre niney filmes, paula beer, césar 2017

Oulaya Amamra, “Divinas”
Paula Beer, “Frantz”
Lily-Rose Depp, “La Danseuse”
Noémie Merlant, “Le Ciel Attendra”
Raph, “Ma Loute”

Revelação Masculina

Niels Schneider, diamant noir, filmes franceses

Jonas Bloquet, “Elle”
Damien Bonnard, “Rester Vertical”
Corentin Fila, “Quand On A 17 Ans”
Kacey Mottet Klein, “Quand On A 17 Ans”
Niels Schneider, “Diamant Noir”

Melhor Atriz Coadjuvante

filme divinas, divinas netflix, film divines, divines, filmes franceses, cinema francês, netflix

Nathalie Baye, “É Apenas o Fim do Mundo”
Valeria Bruni Tedeschi, “Ma Loute”
Anne Consigny, “Elle”
Déborah Lukumuena, “Divinas”
Mélanie Thierry, “La Danseuse”

Melhor Ator Coadjuvante

Les beaux gosses, Tout de suite maintenant, Victoria filme, Lolo o filho da minha namorada, Lolo filme, Hipócrates filme, Hipócrates, Camille Outra Vez, filmes franceses, Vincent Lacoste, it boy francês, it boy

Gabriel Arcand, “Le Fils de Jean”
Vincent Cassel, “É Apenas o Fim do Mundo”
Vincent Lacoste, “Victoria”
Laurent Lafitte, “Elle”
Melvil Poupaud, “Victoria”
James Thierrée, “Chocolat”

Melhor Estreia na Direção

filme divinas, divinas netflix, film divines, divines, filmes franceses, cinema francês, netflix

“Cigarettes et Chocolat Chaud”
“La Danseuse”
“Diamant Noir”
“Divinas”
“Rosalie Blum”

FacebookTwitterGooglePinterest


Comentários



Angelo Capontes Jr. escreve críticas cinematográficas há cinco anos. Formado em Jornalismo, começou a carreira em jornais impressos e sites de entretenimento. Atualmente, é editor e crítico de cinema do filmesfranceses.com.br.